Livro da semana: "Borboleta sem asas"

Borboletas Sem Asas
Edição ou reimpressão: 
Editor: Chiado Editora
Páginas: 750

SINOPSE
Uma mulher e dois homens imbuídos de ambição, anseios de liberdade e agarrados por amores quixotescos encenados nos derradeiros anos do século XIX e nas primeiras décadas do século passado. Palmeira, aldeia minhota do Norte de Portugal, Braga, São Paulo - Brasil, Lisboa, Sintra, Cascais e Paris são usados como cenários no desenrolar deste intrigante romance histórico onde se invocam mentalidades e costumes retrógrados, a eterna questão da emigração, a árdua vida nas fazendas cafeeiras paulistas, intrigas palacianas, o horrendo regicídio seguido pelo fim da monarquia portuguesa e o glamour da imortal Cidade das Luzes. Dezenas de personagens femininas desde parteiras a índias, prostitutas, preceptoras, Rainhas, fazendeiras, camponesas e damas da sociedade lutam contra a subjugação tentando soltar o abafado grito pela almejada emancipação, enquanto arrebatadoras personagens masculinas procuram conquistar lugares cimeiros num mundo aguerrido incentivados pela ganância e poder, sendo alguns deles, porém, tocados pelos valores da hombridade e amizade incondicional. A dor, a angústia, o amor, a perda, a morte, a esperança, a espiritualidade, o desalento e a coragem, estão patentes nessa miríade de figuras que dão vida a esta cativante história ficcionada mas que retrata a verdadeira essência da condição humana.

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Livro da semana: "1089"

Livro da semana: "Todos os caminhos"

Livro da semana: "Desfocado"