Mensagens

A mostrar mensagens de Junho, 2017

Livro da semana: "Unidos na separação"

Imagem
Unidos na SeparaçãoAutor:José Carlos HenriquesData de publicação: 2016Número de páginas:374Colecção:Viagens na Ficção
SinopseO progenitor sentado no canapé da sala chamou a si o filho, Fharal de dez anos, abraçou-o com muita força de profundo consternar, disse-lhe prontamente de voz meiga e suave: amor, quero dizer-te uma coisa: a nossa mãe morreu… Fharal sabia que depois do óbito, deixava de poder agarrar-se à mãe como se fosse uma árvore centenária, há muito tempo enraizada na vida do filho, podendo sempre que queria apertá-la dando-lhe a segurança transcendental que necessitava.

Livro da semana: "Até amanhã e não morras!"

Imagem
Até Amanhã e Não Morras! de Sérgio Figueira Edição ou reimpressão: 12-2015 Editor: Dream Editora Páginas: 496
SINOPSE "Tinham neles todas as promessas do mundo!" Portugal, setembro de 1968: na nação mais pobre da Europa Ocidental, o regime treme com a queda do presidente do Conselho há longos anos no poder e os portugueses, alheados da realidade política por uma censura dominante, deslumbram-se com as festas dos milionários, enquanto na sombra é gizado um plano para assassinar o velho ditador. Num cenário de oposição ao regime, contestação estudantil, e com o drama da guerra colonial, Luísa e Santiago, dois jovens de meios sociais opostos, apaixonam-se, pondo à prova barreiras de classe e preconceitos. Uma história que atravessa os turbulentos anos 60 e 70 em Portugal, na transição para a democracia. Em "Até amanhã e não morras!" cruzam-se intriga, paixão, vingança, e ambição, na procura do amor e da liberdade. No final poderão eles vencer?

Livro da semana: "Desfocado"

Imagem
Desfocado de Gualter Pelicano Edição ou reimpressão: 12-2016 Editor: Chiado Editora Páginas: 296 SINOPSE "Galileu não era uma criança normal. Nasceu com um dom e, como todas as pessoas que assim nascem, via-o como uma maldição, pois a quem tal acontece pensa sempre que não o pediu. O dom de Galileu era a sua visão. Não que fosse especialmente desenvolvida, antes pelo contrário: apesar de ver tudo o resto com uma nitidez normal, os seres humanos não conseguia ele ver com tanta precisão. Via-os desfocados, tal como nas fotografias, em que as pessoas se mexem precisamente quando não devem. (...) Tentou, por várias vezes, especular sobre a razão desta singularidade, mas frequentemente concluía serem as suas deduções erróneas. Isso aumentava ainda mais o seu descontentamento, pois não descortinava o porquê de lhe ter caído em sorte um tal fardo."
Galileu, um jovem adolescente italiano, sempre viu o mundo de uma forma diferente. Não vislumbrando uma saída do labirinto em que a sua vida s…

Livro da semana: "A glória da humildade"

Imagem
Glória da Humildade de FÁTIMA SOUSA  Edição ou reimpressão:05-2014 Editor:Chiado Editora Páginas:396 SINOPSE No final da Idade Média, Portugal luta para que o seu trono se mantenha português, no entanto apesar da instabilidade política e do clima de guerra em que se vivia, Henrique e Maria vivem uma verdadeira história de amor e lutam para superar os obstáculos que enfrentam. Ele um bravo cavaleiro, filho primogénito do senhor do castelo, com casamento acordado com Vitória desde que nasceu. Ela, uma jovem criada, que devido à sua beleza e inteligência fora do vulgar tornou-se protegida da mãe de Henrique.
Ambos sabiam que o pai do nobre jamais aceitaria aquela união, no entanto não contavam com Luís, o irmão mais novo de Henrique, que ansiava por possuir tudo o que o seu irmão tinha, até mesmo Maria, por quem tinha ficado enfeitiçado.
Quando Henrique parte para a guerra com D. João de Avis, Luís vê uma oportunidade de alcançar tudo o que deseja, mas após a Batalha dos Atoleiros vê os seus …

Boletim Informativo Junho 2016

Livro da semana: "Naquela ilha"

Imagem
Naquela Ilha de Ana Simão Edição ou reimpressão: 07-2016 Editor: Marcador Páginas: 224 SINOPSE
«Há ilhas que vale a pena visitar. Esta é, não tenho dúvidas, uma delas. Boa viagem.» PEDRO CHAGAS FREITAS
Uma ilha onde nada acontece. Uma premonição. Um destino implacável. Uma jovem apaixonada por um homem mais velho. Um farol cheio de segredos. Uma história única. O QUE SEPARA UM AMOR DO RESTO DO MUNDO?
«Parece que ainda estou a ouvir aquela voz nova. Fecho os olhos e procuro-a dentro de mim. Consigo escutá-la. Gosto dela. É uma voz rouca de mel, serena e macia. Foi a única voz que ouvi quando regressei a mim. Estava tão perto e as outras tão longe. Não sei quanto tempo estive ausente, mas foi aquela voz que me trouxe à vida. Nunca a vou esquecer. Nem quero. Percebi naquele instante que estava viva e em segurança. E isso foi bom. Não sei quem é. Queria tanto agradecer-lhe: salvou-me a vida. Não sei como o vou encontrar.Já perguntei, mas ninguém sabe.»