Estreia da semana: "Um homem no limite", "J. Edgar" e "País do desejo"



Um Homem no Limite
Título original: Man on a Ledge 
De: Asger Leth 
Com: Sam Worthington, Elizabeth Banks, Jamie Bell, Ed Harris 
Género: Thriller, Crime 
Classificação: M/12 
Outros dados: EUA, 2012, Cores, 102 min. 

Nick Cassidy (Sam Worthington) é um homem no limite. Com uma carreira ao serviço da lei, ele foi condenado por um crime que não cometeu. Quando, por fim, consegue escapar da prisão, decide dar um último passo para provar a sua inocência: do parapeito de um dos mais luxuosos hotéis de Nova Iorque, ameaça o suicídio. À medida que uma multidão inquieta se junta à volta da área, a polícia acede ao seu pedido para falar com Lydia Anderson (Elizabeth Banks), uma negociadora experiente. Porém, o que parece ser algo resultante de puro desespero de um homem que nada tem a perder, depressa se comprova ser um plano complexo e calculado ao pormenor para esclarecer muito mais do que um simples caso de corrupção.

 

J. Edgar
 Título original: J. Edgar
De: Clint Eastwood
Com: Leonardo DiCaprio, Naomi Watts, Judi Dench, Armie Hammer
Género: Drama, Biografia
Classificação: M/12
Outros dados: EUA, 2011, Cores, 137 min.

A história de um dos maiores e mais controversos ícones do século XX: John Edgar Hoover. Um dos principais responsáveis pela criação do FBI (Federal Bureau of Investigation), que chefiou durante quase meio século, tornando-se num dos homens mais poderosos e temidos dos EUA. Porém, apesar do sucesso da sua carreira, a sua vida privada, mantida secreta, deu azo a todo o tipo de especulações, entre elas a alegada relação homossexual com Clyde Tolson, seu braço direito. Realizado por Clint Eastwood, um filme biográfico com argumento de Dustin Lance Black e participação de Leonardo DiCaprio, Naomi Watts, Damon Herriman, Jeffrey Donovan e Ed Westwick.

   
País do Desejo 
Título original: País do Desejo 
De: Paulo Caldas 
Com: Fábio Assunção, Maria Padilha, Gabriel Braga Nunes, Nicolau Breyner 
Género: Drama 
Classificação: M/12 
Outros dados: BRA/POR, 2011, Cores, 85 min. 

José (Fábio Assunção) é o dedicado pároco de Pasárgada, uma pequena vila brasileira. A sua fé, até então inabalável, será posta em causa quando se depara com a decisão de um arcebispo português (Nicolau Breyner) excomungar a mãe e o médico que realizou um aborto a uma menina de 11 anos, violada pelo próprio tio. À medida que o fosso entre ele e a própria Igreja se alarga, mais o clérigo se sente próximo de Roberta (Maria Padilha), uma pianista com necessidade urgente de um transplante de rim, que se encontra em digressão pela vila. O encontro entre eles, num momento em que o sacerdote põe em causa coisas que nunca antes tinha questionado, vai abrir caminho a um amor inesperado que se transformará na salvação de ambos. Quarta longa-metragem do brasileiro Paulo Caldas ("Baile Perfumado", "O Rap do Pequeno Príncipe contra os Almas Sebosas", "Deserto Feliz"), um filme sobre o amor, o celibato, a medicina e a Igreja, inspirado no caso do arcebispo Dom José Cardoso Sobrinho cujas decisões sobre um aborto, em 2009, abalaram a sociedade brasileira.

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Livro da semana: "Todos os caminhos"

Livro da semana: "A princesa Sofia e a fada trapalhona"

Livro da semana: "Os pássaros também choram" de Tiago Seixas