Nobel da Literatura para sueco Tomas Tranströmer

A Academia Sueca distinguiu, esta quinta-feira, o poeta sueco Tomas Tranströmer com o Prémio Nobel da Literatura.


O poeta sueco Tomas Tranströmer, de 80 anos e psicólogo de formação era já dado como grande favorito, no ano passado, quando os 18 membros do júri da Academia Sueca escolheram o escritor de origem peruana Mario Vargas Llosa.
A Academia Sueca distinguiu Tomas Tranströmer considerando que "através das suas imagens translúcidas e condensadas, o poeta dá-nos um novo sentido à realidade". Ler no JN

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Livro da semana: "Todos os caminhos"

Livro da semana: "A princesa Sofia e a fada trapalhona"

Livro da semana: "Os pássaros também choram" de Tiago Seixas