Poesia sim...

A busca
A busca, 
aquela procura incansável,
do que nos identifica, fortifica, destrói.
somos genética e o que o mundo faz de nós.
Somos promessa e vontade de conquistar.
Somos derrota
somos luz e escuridão, amor e paixão
ódio e desilusão.
Somos promessas, tantas!
Somos atitude e passividade,
dor e felicidade!
Somos carinho e um abraço apertadinho.
Somos indiferença
e descrença!
Somos promessas, tantas!
Somos um "ser" da natureza
que se constrói sedento de tudo,
de nada,
da verdade, da mentira.
Que procura incansável o seu "EU"
no materialismo, no espiritual,
na beleza corporal,
dos sentidos,
dos momentos vividos!
Somos raça e cor,
somos do mundo que acolhe
com ou sem valor!
Somos fado e vontade...
Somos busca...
Incansável!
Rosa Cândida

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Livro da semana: "Todos os caminhos"

Livro da semana: "A princesa Sofia e a fada trapalhona"

Livro da semana: "Os pássaros também choram" de Tiago Seixas